Faltando apenas duas semanas para a prova, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recebeu, em seu auditório, representantes de todos os parceiros logísticos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para uma reunião técnica de alinhamento. O encontro aconteceu nesta terça-feira, 25.

 

O ministro da Educação, Mendonça Filho, e a presidente do Inep, Maria Inês Fini, tiveram uma reunião na tarde desta terça-feira (25) com os coordenadores operacionais e estaduais de aplicação de todas as unidades federativas. Participaram, ainda,  representantes da Polícia Federal e dos ministérios da Defesa e da Justiça.

 

Mendonça Filho reforçou a importância da desocupação das escolas até o dia 31, para que milhares de estudantes não tenham que fazer a prova em outra data. Para o ministro, o debate é livre, todavia é verdade também que a liberdade de se manifestar não pode atrapalhar, ou comprometer, o que é bem coletivo, de interesse coletivo. Ainda segundo Mendonça Filho, o Enem não pertence ao Inep e nem ao atual governo. É algo sedimentado na sociedade brasileira e que vamos preservar.

 

As provas serão realizadas nos dias 5 e 6 de novembro, a partir das 13h– horário oficial de Brasília. Este ano, o Enem recebeu mais de 9,2 milhões de inscrições.

 

Outras Notícias