A professora da rede estadual de ensino, Ana Lúcia Lima da Rocha M. Souza, foi eleita presidente do Conselho Estadual de Educação (CEE), na tarde da última quinta-feira, 31, logo após a posse dos 13 novos membros e um suplente da instituição. Os conselheiros foram empossados pelo governador Marcelo Deda e secretário de Estado da Educação, professor José Fernandes de Lima, em solenidade ocorrida no auditório da Biblioteca Pública Epifânio Dória.

Participaram das votações para escolha da presidência e vice-presidência, os treze novos conselheiros e o presidente em exercício Sérgio Todt, resultando na escolha da professora Ana Lúcia Lima da Rocha. A professora trabalha na Assessoria do Gabinete da SEED. Para a vice-presidência foi eleito o professor Carlos Valdemar Aboim Machado, representante da rede privada, que trabalha como diretor do Colégio São Paulo.

A presidente eleita afirmou que para nomear os novos conselheiros do Conselho Estadual de Educação, o Governo do Estado garantiu o equilíbrio entre a rede pública e a privada, assegurando os preceitos da Constituição Estadual. “Particularmente em relação aos representantes da rede estadual, percebemos a valorização e reconhecimento do trabalho dos profissionais do Magistério”, enfatizou.

Ela disse que pretende, juntamente com os novos conselheiros e com o corpo técnico do CEE, implementar ações para reestruturação do órgão colegiado. Entre estas medidas, destaca a necessidade de atualização da Legislação específica e do Regimento Interno do Conselho, que são anteriores à Constituição Estadual, assim como promover maior transparência das deliberações do Colegiado, através da digitalização das resoluções e criação de uma página virtual permitindo que a sociedade acompanhe os processos.

Trajetória Profissional

A professora Ana Lúcia Lima da Rocha ingressou na rede estadual de ensino, por meio de concurso público realizado em 1990, para a área de Ciências Biológicas. Iniciou suas funções na Escola Estadual Profº Valnir Chagas como professora e dirigiu dois estabelecimentos de ensino da rede estadual. Em seguida, foi coordenadora do ensino médio na Diretoria de Educação de Aracaju (DEA) e, conciliando sua formação pedagógica com a de Bacharel em Direito, sua segunda formação em nível superior, passou a integrar a Assessoria da SEED para assuntos jurídicos.

Related Articles