O destaque da sessão plenária do Conselho Estadual de Educação de Sergipe (CEE/SE) desta quinta-feira, 20, foi a discussão sobre “acesso e permanência da população trans e travesti na educação básica”. A inclusão da mencionada pauta foi sugerida pela deputada estadual Linda Brasil. 

 

A destacada temática sugerida pela deputada Linda Brasil foi justificada pela busca de “formas para garantir o direito à educação de maneira digna e respeitosa conforme prescrito nos dispositivos legais que regem o país”. Participaram do encontro e emprestaram suas palavras Thomas Cardoso Bastos Santos, do Instituto de Transmasculinidade (Ibrat) e a assessora  parlamentar Dayanna Louize Leandro dos Santos. Também presentes ao encontro as assessoras Agatha Christie e Geovana Soares.

 

O presidente do CEE/SE, Renir Damasceno, comentou sobre a importância das discussões sugeridas pela deputada Linda Brasil, realçando que, na mesma linha, o Colegiado tem se movimentado no sentido de zelar pelos  direitos de todas as populações, corroborando com o combate a qualquer tipo de discriminação. O manifesto de Renir foi acompanhado pelos demais conselheiros da Casa.  

 

 

Related Articles