Conselho é responsável por formular e avaliar a política nacional de Educação

Tomam posse, nesta terça-feira, 10 de maio, os seis novos membros do Conselho Nacional de Educação. Escolhidos para um mandato de quatro anos, os conselheiros têm como funções formular e avaliar a política nacional de Educação, zelar pela qualidade do ensino, velar pelo cumprimento da legislação educacional e assegurar a participação da sociedade no aprimoramento da Educação brasileira.

O Conselho Nacional de Educação é um órgão normativo, deliberativo e de assessoramento ao Ministério da Educação, que está dividido em duas Câmaras Autônomas: Câmara de Educação Básica e de Educação Superior, com 12 conselheiros cada uma.

Os novos conselheiros da Câmara de Educação Básica são: Francisco Aparecido Cordão; José Fernandes de Lima; e Raimundo Moacir Mendes Feitosa. Na Câmara de Educação Superior são: Antônio de Araújo Freitas Júnior; Maria Beatriz Moreira Luce; Paulo Speller.

Além dos conselheiros novos, serão reconduzidos à Câmara de Educação Básica os seguintes membros: Adeum Hilário Sauer; Antônio César Russi Callegari; e Clélia Brandão Alvarenga Craveiro. Para a Câmara de Educação Superior, serão reconduzidos: Antônio Carlos Caruso Ronca; Milton Linhares; e Paulo Monteiro Viera Braga Barone.

Related Articles