A equipe está bem reforçada. Décio Guimarães, Josevanda Franco e Rejane Maia serão os palestrantes do Encontro Técnico do Conselho Estadual de Educação de Sergipe, o “Entec 2023 Entec 2023. O evento acontecerá no Teatro Atheneu, na capital Aracaju, às 14 horas do próximo dia 30 de agosto, e traz como tema “Educação Inclusiva: Desafios e Materialidade”. É aberto para toda comunidade e especialmente direcionado a professores e técnicos da educação, e os interessados em participar devem se inscrever pela internet, até as 11 horas do dia 30/08. Para tal, basta clicar em banner relativo, que constará na primeira página do site do Conselho (cee.se.gov.br), e preencher corretamente o formulário de inscrição. Vagas limitadas. Será disponibilizado certificado para os participantes.

 

Quem serão os palestrantes:

 

Décio Guimarães

 

Décio Nascimento Guimarães é doutor e mestre em Cognição e Linguagem pela Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF). Cego desde a adolescência, Décio é coordenador do Grupo de Trabalho Educação Especial (GT 15) da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). Ele é docente do Programa de Pós-graduação em Cognição e Linguagem (PGCL/UENF), do Mestrado Profissional em Ensino e suas Tecnologias (Mpet/IFF), sendo também coordenador adjunto e coordenador da Pós-graduação Lato Sensu em Práticas Educacionais (IFF). Além disso, é membro do Fórum de Direitos Humanos da Escola de Magistratura do estado do Rio de Janeiro. É diretor de Educação Especial na Perspectiva Inclusiva da Secadi também tem extensa publicação científica no tema. É editor científico da Editora Encontrografia e organizador dos livros “Direitos Humanos e Educação: diálogos interdisciplinares”; “Práticas Inclusivas: mediações e aprendizagens”; “Práticas Inclusivas na Escola: caminhos e experiências”,dentre outros. 

 

Josevanda Franco

 

Atualmente, Josevanda Mendonça Franco atua como secretária de Educação do Município de Socorro-SE. Nascida na cidade de Itabaiana, agreste sergipano, é originalmente professora de história e especialista em educação e em direitos da criança e do adolescente. Durante 36 anos esteve como professora da educação básica, lecionando história geral. Graduada em Licenciatura Plena em História pela Universidade Federal de Sergipe (1980), com especialização em Administração e Supervisão Escolar pela Faculdade Pio Décimo (1993). Consultora em Direitos da Criança e do Adolescente, em Educação e em Política de Gestão pela Qualidade. Ocupou a chefia da Assessoria de Planejamento da Fundação Renascer do Estado de Sergipe. Presidiu o Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente. Prestou assessoria em Política de Gestão pela Qualidade e Desenvolvimento Humano nas empresas de distribuição de gás de Sergipe e de Alagoas; na Tecnogás Consultoria e Serviços Ltda e na Distribuidora Sant´Ana Ltda. Professora de História da Secretaria de Estado da Educação, em disponibilidade. Atuou como Assessora da Presidência do Tribunal de Justiça do Estado de Sergipe exercendo suas atividades junto a Coordenadoria da Infância e da Juventude. Foi Diretora do Memorial do Poder Judiciário do Estado de Sergipe e curadora do Museu da Gente Sergipana. 

Rejane Maia:

 

É graduada em Pedagogia com habilitação em Supervisão Educacional e Administração Escolar, pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE); Diretora Pedagógica do Colégio Apoio, no Recife; Trabalha há 50 anos em escola. -Atua como formadora, prestando Assessoria Pedagógica a gestores, coordenadores e professores da Educação Infantil e das séries iniciais do Ensino Fundamental nas redes Pública e Privada de ensino. É palestrante em inúmeros encontros pedagógicos (Congressos, Seminários, Simpósios) e autora de textos diversos sobre Prática Educativa, Inclusão e Formação de Professores; É Pós -Graduada em Construtivismo e Educação pela Faculdade Latino Americana de Ciências Sociais – FLACSO em parceria com a Universidade Autônoma de Madri UAM; e assumiu a Coordenação do Núcleo Recife, deste referido curso; É Mestra em Psicologia Cognitiva e Aprendizagem pela Universidade Autônoma de Madri – UAM e pela Faculdade Latino Americana de Ciências Sociais – FLACSO. 

Outras Notícias