“Cidadãos Para os Novos Tempos É Um Desafio Contínuo Na Busca Pela Escola Que Encanta e Transforma Vidas”. Este foi o tema do VI Congresso Sergipano de Educação, que teve início na tarde desta quinta-feira (24) e se estende até o próximo sábado (26). O evento acontece no Teatro Tobias Barreto e é promovido pela Federação dos Estabelecimentos Particulares de Ensino do Estado de Sergipe (FENEN-SE), contando também com o apoio outras instituições.

 

Diante de um auditório lotado, após uma breve apresentação do pianista sergipano João Moura, o presidente do Conselho Estadual de Educação de Sergipe (CEE/SE), José Joaquim Macedo, na condição também de presidente da Fenem-SE, agradeceu a todos os colaboradores e ao público presente, quando ressaltou a importância do evento e fez questão de dedicar a VI edição do Congresso ao educador José Sebastião dos Santos, um dos fundadores da mencionada Federação. “A importância deste Congresso pode também ser medida pela importância que tem a educação. Este evento é dedicado ao educador José Sebastião dos Santos, por tudo que ele tem representado para a educação em Sergipe”, destacou Joaquim Macedo.

 

Esta VI edição do Congresso conta com a participação de palestrantes de diversas regiões do país e até de além-fronteiras. O professor paranaense Renato Casagrande foi o primeiro a emprestar sua palavra. Com o tema “O que esperar do professor Contemporâneo, frente a esta nova geração de aluno”. Em seguida seguiu-se a palestra do professor Vilson Martins, de Santa Catarina, intitulada “O professor da Educação do Século XXI a partir do cenário da Educação Digital”. No período da noite palestrou o professor Dalmir Santana, também de Santa Catarina, que versou sobre o tema “A organização e a revitalização dos colaboradores. Estratégia dos membros da equipe”. 

 

Outras Notícias